» » Como fazer um bom polimento em móveis

Como fazer um bom polimento em móveis

De que depende o bom polimento. O polimento perfeito dos móveis não se consegue por meio de raspadeira, e muito menos por meio da plaina de dentes, de pedra-pomes, da água de cola, etc., como faziam os antigos.

A perfeição do bom polimento tem por base o aparelho perfeito da plaina fina, direita e bem capeada, passada em sentido transversal, em diagonal e ao correr das fibras.
Quando a plaina ou garlopa deixam revesso abertos, a raspadeira, ao alcançá-los, tira essas imperfeições e deixa outras, isto é, alcança os revesso e deixa depressões ou tremidos.

E não se diga que isso só acontece àqueles que não sabem manejar a raspadeira!
Quando se quer que a superfície de uma obra de alta marcenaria fique absolutamente sem ondulações de plaina ou de raspadeira, substituem-se os lixadores de borracha, de cortiça ou de pita, pelos de madeira mole, homogênea, e grandes, quase do tamanho de uma folha de lixa.

A raspadeira americana só deve ser adotada no polimento dos móveis ordinários, por deixar muitos tremidos.

Não raro acontece aparecerem imperfeições nas superfícies dos móveis, não pelo defeito do polimento ou do aparelho, mas pelas deformações das marchetarias ou dos compensados, ora por não estarem com a cola suficientemente seca ora pelos defeitos de construção.

Na operação de polimento, quanto mais mole a madeira, mais deve cortar o ferro da plaina; caso contrário, as veias moles que foram comprimidas pela ferramenta cega sobem produzindo defeitos ao ser envernizado o móvel. Esta imperfeição nota-se muito no pinho-do-paraná.

Às vezes, os defeitos de polimento são devidos à falta de lixa.

Quando se faz uso do lixador de madeira, as últimas passadas devem ser dadas pondo, entre a lixa e o fixador, um feltro ou várias folhas de lixa fina e gasta.

Acabamento

É a conclusão, o aperfeiçoamento da obra. São os pequenos remates, como o de emassar, remendar, polir, folhar um canto para encobrir as juntas, assentar a ferragem, lustrar, etc. É diferente da construção. Uma peça pode estar muito bem construída, porém mal acabada, e vice-versa.

As partes amassadas

Se uma pancada, aperto ou fricção machuca o móvel, a parte comprimida volta ao nível primitivo com água quente, tendo-se a peça no nível. Antes do polimento deixa-se secar bem a peça.

Coluna em espiral

Para se obter meia-coluna folhada em espiral ou torcida, com madeiras listradas, que produzem efeitos quiçá mais belos do que o da coluna salomônica, feita em tornos especiais, procede-se da seguinte maneira:

Gostou do que viu? Compartilhe!