» » Oficina de carpintaria: cuidados em sua criação

Oficina de carpintaria: cuidados em sua criação

A oficina de carpintaria assim como o escritório de qualquer profissão precisa ser organizada de forma adequada para as atividades que serão executadas tendo não apenas espaço como também funcionalidade em seu interior.

Dicas para organizar oficina de carpintaria

Dicas para organizar oficina de carpintaria

Neste processo é preciso inicialmente verificar as saídas elétricas existentes sendo preciso neste caso conferir se as tomadas irão suportar as cargas elétricas de seus equipamentos e ferramentas ou se cabos de extensão poderão ser conectados.

Um cuidado essencial consiste em uma boa ventilação na oficina em virtude do excesso de vapores, poeiras e cheiros fortes de produtos químicos e para isso é preciso contar com um local que possua janelas ou ainda que ventiladores possam ser utilizados.

Como se refere a uma atividade de perigo é importante contar com bons equipamentos de segurança como coletores de poeira, luvas, botas, kit para primeiros socorros, extintor de incêndio bem como protetores auriculares e um adequado sistema de aspiração em pó.

Além disso, para evitar problemas oculares se faz essencial ter uma boa iluminação na oficina com o uso de lâmpadas de tungstênio ou do tipo incandescente.

Mais uma situação que precisa de atenção é a bancada a qual deve ser a uma altura de acordo com cada pessoa e precisam ser enceradas de forma regular para evitar complicações pelas substâncias que serão utilizadas sobre a mesma.

Portanto, a oficina de carpintaria é um local para a atuação do profissional desta área a qual precisa ser planejada e organizada de forma correta para que as ações do carpinteiro sejam feitas com o máximo de eficiência e proteção.

Gostou do que viu? Compartilhe!